Gilson Garreto

Gilson Garreto

quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

MENSAGEM DE NATAL DO VEREADOR LÉO E FAMÍLIA A TODOS OS ALTOALEGRENSES

 "Desejo que nesta noite de Natal a luz do Menino Jesus ilumine seus caminhos para que jamais se sinta sozinho ou perdido nesta maravilhosa jornada que chamamos de vida."

São os votos do vereador Léo e Família a todos os Altoalegrenses  
Vereador Léo

MENSAGEM DE NATAL: GILSON GARRETO DESEJA A TODOS ALTO-ALEGRENSES UM FELIZ NATAL E UM PRÓSPERO ANO NOVO. FELIZ 2015!!!

Desejo com todo carinho o espírito do natal que é a PAZ. A alegria do Natal que é a ESPERANÇA. O coração do Natal que é o AMOR. E que tudo isso se faça VIDA dentro de sua vida, hoje, amanhã e sempre. Sempre é Natal onde nasce e renasce a PAZ, a ESPERANÇA e o AMOR. Desejo um Feliz Natal e abençoado Ano Novo para todos vocês, seus amigos e familiares."
"Quando a estrela de Belém brilhou revelou ao mundo o nascimento do Salvador. Os Reis Magos interpretaram o sinal e foram louvar o Nosso Senhor. O Menino se fez Homem e na Cruz se entregou. Seu sacrifico não foi em vão, pois com seu Amor a todos nós Salvou! Que este exemplo seja o alicerce de sua fé e apoiado nele faço meus votos de Boas Festas, muita paz e amor em seus corações. Em nome do nosso Senhor e Salvador que Assim seja!"

Em nota, deputado Alberto Filho esclarece que decisão do TSE não muda, em definitivo, resultado da eleição

NOTA DE ESCLARECIMENTO
Decisão do Ministro Dias Tóffoli do TSE não muda, em definitivo, resultado da eleição de Alberto Filho para Deputado Federal

A decisão, monocraticamente tomada, pelo Ministro Dias Tófoli de validar os votos do Deoclides Macedo (PDT) carece de decisão definitiva, uma vez que, o que decidiu o referido Ministro Presidente do Tribunal Superior Eleitora (TSE), em caráter liminar,  tem por objetivo resguardar ainda decisão futura que possa vir a beneficiar o recorrente, acima citado.

Deste modo, Alberto Filho, já diplomado como Deputado Federal eleito, mantém o seu novo mandato outorgado pelo povo maranhense nas eleições de 2014.

Veja abaixo a transcrição da decisão do Ministro Presidente do TSE:

“Ante o exposto, defiro a liminar para atribuir efeito suspensivo ao recurso extraordinário interposto no RO nº 405-63/MA, atualmente sobrestado com base no art. 543-B, § 1º, do CPC, até que seja realizado o juízo de admissibilidade desta Corte e publicada a respectiva decisão”.

                                    Deputado Alberto Filho – PMDB/MA

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

ACIDENTE GRAVE COM VITÍMAS FATAIS AGORA POUCO PRÓXIMO A SÃO MATEUS-MA



Hoje terça feira dia (23), por volta das 10:30 da manhã aconteceu um grave acidente na BR 135, com duas  vítimas fatais.

O acidente aconteceu próximo a cidade de São Mateus do Maranhão, na curva do Didi que fica entres as cidades de São Mateus do Maranhão e Matões do Norte, os condutores morreram no impacto dos veículos e uma senhora foi levada as pressas para o hospital municipal de São Mateus.

Daqui a pouco mais informações  desse trágico acidente

TRAGÉDIA EM PEDREIRAS: DUAS CRIANÇAS MORREM AFOGADAS EM AÇUDE

 Hospital Geral de Pedreiras
Uma tragédia no final da tarde desta segunda-feira, 22/12, abalou a cidade de Pedreiras. Duas Crianças morreram afogadas em um sítio próximo a cidade.
O menino Everton Sousa de Oliveira de 8 anos teria escorregado da parte alta do açude, e na tentativa de se salvar, teria segurado em Laerton Alexandre Sousa de Oliveira de 7 anos, levando os dois a se afogarem. João, o avô dos meninos, não ouviu barulho na água e nem gritos de socorro. O avô pensava que os netinhos haviam ido embora com a mãe deles. Na incerteza se os garotos tinham voltado para casa, pegou a moto e foi conferir, quando chegou em casa, a mãe dos meninos perguntou por eles. João disse que não sabia, então voltou e foi procurá-los.
Continua...

As crianças, provindas da cidade de Marabá no Pará - pela primeira vez visitavam Pedreiras - vieram passar o Natal com os familiares. Os meninos chegaram no último final de semana à casa de seus avós, acompanhados de sua mãe mãe Maria Liane  e sua irmã, que é gêmea com Laerton. Os avós são pessoas conhecidas na cidade: Seu João e Dona Penha - Dona Penha trabalha na lanchonete do Posto Uirapuru no Bairro do Engenho em Pedreiras.
Os corpos chegaram ao Hospital Geral de Pedreiras por volta das 20h, depois de exaustivas buscas. O pai dos garotos ficou em Marabá - PA.
Os corpos serão levados para Marabá, onde serão velados.
 
Everton e Laerton, falecidos, ladeando sua irmã.

que não estava na hora da tragédia. (foto recebida por whatsapp)
____________________________________

Policial Militar é executado na porta de casa, em São José de Ribamar

Lotado no Serviço de Inteligência da Polícia Militar, o sargento José Ribamar Prisca da Silva, 51 anos, foi executado a tiros, no fim da tarde desta segunda-feira (22), no bairro Jota Câmara, em São José de Ribamar. Conforme informações preliminares, ele estava na porta de casa, quando dois homens em uma moto passaram e desferiram cerca de quatro disparos. O crime aconteceu em pouco mais de duas semanas da morte de dois PMs, em São Luís.
De acordo com notícias apuradas pelo Jornal Pequeno, os suspeitos por terem atirado no militar se encontravam em uma moto Bros, de cor azul. Dos projéteis desferidos, dois teriam acertado Prisca, no braço e na cabeça. A corporação informou que o levaram, ainda, ao Hospital de São Benedito, no mesmo município. Porém, não resistiu aos ferimentos.

Recentemente, ele, com sua equipe do serviço velado, prendeu três membros da facção Bonde dos 40 – sendo duas mulheres – na cidade balneária. Os conduzidos estariam promovendo o terror na localidade, tendo ordenado até o fechamento de uma creche. Prisca foi assassinado há pouco mais de duas semanas em que dois PMs – sargento Carlos Magno Pereira de Sá e o aspirante Sebastião Luís Rocha Neto, 26 – morreram em confronto com criminosos; fato ocorrido no dia 7 deste mês, em menos de 24 horas. (Informações do Jornal Pequeno).

Já está em liberdade professora presa acusada de agiotagem; Justiça também concedeu salvo conduto ao esposo que estava foragido

Já se encontra em liberdade Maria Neide Soares de Carvalho, presa no último dia 18 de dezembro, em São Luís Gonzaga do Maranhão, acusada de agiotagem, conduta considerada criminosa.

De acordo com informações repassadas à imprensa e que constam nos mandados de busca e apreensão e prisão, expedidos em novembro e dezembro desse ano em desfavor de Maria Neide e seu esposo Wagner Marques de Carvalho, o delegado Thiago Salgado (delegado titular da cidade de São Luís Gonzaga do Maranhão) e investigadores, após uma minuciosa revista em todos os cômodos da residência do casal, encontraram 60 cartões magnéticos (bancário e do programa federal Bolsa Família); 70 folhas de cheques; R$ 5.000,00 (cinco mil reais) em espécie; 30 aparelhos celulares; relógios e jóias.

Na época, ao tomar conhecimento da ação policial, dezenas de vitimas se dirigiram à delegacia no intuito de reaver seus cartões ou objetos. O delegado aproveitou para ouvi-las, e o teor dos depoimentos serviu como base para a decretação das prisões de Maria Neide e seu esposo Wagner.

Na quinta-feira (18) apenas Maria Neide foi presa, enquanto que Wagner conseguiu fugir, entretanto, às 22h45 deste domingo (21) um servidor plantonista do TJMA esteve na Penitenciária Feminina de Pedrinhas de posse de Alvará de Soltura, expedido pela desembargadora Cleonice Silva Freire, em favor de Maria Neide.

A desembargadora também expediu Salvo Conduto em favor de Wagner Marques de Carvalho.

Decisão

A decisão da presidenta do Tribunal de Justiça do Maranhão se deu em virtude do Habeas Corpus, com pedido de liminar, impetrada pela competentíssima advogada Máxima Regina Santos de Carvalho Ferreira, em benefício do casal.

A advogada relata nos autos que os seus clientes foram acusados de supostamente praticar o delito de usura real, cuja pena máxima é de detenção de 02 (dois) anos. Alega que Maria Neide e Wagner são primários, possuem bons antecedentes, residência fixa e profissões definidas, eis que ambos são funcionários públicos.

Sustenta, ainda, que a prisão preventiva decretada feriu os princípios da razoabilidade e proporcionalidade, porquanto, revela-se mais gravosa do que a pena que poderá ser aplicada em eventual condenação.

Concluindo, requereu que fosse liminarmente concedida a ordem, com a expedição de alvará de soltura em favor de Maria Neide Soares de Carvalho, que se encontrava custodiada desde o dia 18 de dezembro desse ano, e salvo conduto em benefício de Vagner Marques de Carvalho, visto que se encontrava ainda em liberdade.

No documento, Máxima Regina destaca que sobre a matéria, tem entendimento firme no sentido de que somente as condições pessoais favoráveis não têm o poder de, por si só, garantir o benefício da liberdade provisória quando há nos autos fundamentos suficientes a recomendar a manutenção da custódia. Ocorre, contudo, no caso envolvendo o casal, que apesar de constar do decreto prisional que "...a presença dos acusados em liberdade, ensejaria graves reflexos na ação da Justiça que necessita estar presente através de medidas efetivas, visando coibir a repetição de atos violentos e prevenindo consequências mais graves como medida para garantia da ordem pública", tais requisitos da custódia cautelar, a princípio, não despontam claramente evidenciados nos autos, restando apenas consignadas declarações de que um filho dos acusados esteve em contato com algumas pessoas envolvidas no caso, sem, contudo, ameaçá-las.

A advogada diz que deve ser ressaltado, que ao proferir a decisão atacada, o magistrado de primeiro grau não apontou a tipificação do delito.
Medidas cautelares

Ao deferir a liminar pleiteada pela advogada, a Justiça aplicou ao casal medidas cautelares consistentes em:

1 - Comparecerem periodicamente perante o Juízo de São Luís Gonzaga do Maranhão, mensalmente, para informarem e justificarem suas atividades;

2 - Proibição de contato, por qualquer meio, com as testemunhas relacionadas ao fato delituoso, durante toda a instrução processual.

EM TEMPO: Em contato com o blog a advogada Máxima Regina esclarece que na data em que a professora Maria Neide foi presa não houve, como citado na primeira reportagem sobre o caso, nova busca na residência do casal, tão pouco, foram encontrados mais cartões ou dinheiro.

Segundo a advogada, tal fato deu-se apenas no cumprimento do mandado de busca e apreensão, cumprido em novembro.
 
Fonte: Blog do Sérgio Matias

segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Mal instruído na escola falso sargento do exército é preso em Paulo Ramos

Após denúncia anônima dando conta de que uma pessoa estaria armada com arma de fogo no povoado Centro do Leite, município de Paulo Ramos, uma guarnição PM composta pelos cabos Moreira e Aleandro e ainda o soldado Torres, se deslocou até o local para averiguar o fato. Lá chegando constatou serem verdadeiras as acusações e deram voz de prisão ao acusado. Fato ocorrido às 13 horas deste domingo (21).
Após algumas indagações o mesmo disse aos policiais que era sargento do Exército Brasileiro, apresentando uma credencial em nome de José Menez de Jesus dos Santos, 32 anos. Após algumas análises os policiais perceberam algumas falhas na cédula de identificação.  Onde tem o cargo ocupador está escrito “Estrutor Militar”, um erro grotesco na escrita da palavra que seria instrutor.
 Ao periciarem a arma verificou-se que o revólver, calibre .38mm, com 04 (quatro) munições intactas usado pelo falso sargento continha a numeração raspada. Diante de todas as evidências o mesmo foi conduzido e apresentado na delegacia de Polícia Civil, onde deverá responder por porte ilegal de arma de fogo, falsidade ideológica e falsificação de documentos públicos. (Com informações do blog do Sérgio Matias).